domingo
23 de Abril de 2017 - 06:24
Subscrever feed Add to Google Subscrever num leitor de feeds
 
Destaque
Conceição Margalha: “Temos de ir buscar a Évora aquilo que não temos cá”
 
Destaque
AeroNeo inicia obras no aeroporto até final de maio
 
AGENDA
“Alentejo: afetos e olhares da arte” na Pousada de Beja
semana
 
Câmara de Moura apoia clubes desportivos++
 
Mértola aprova Plano Operacional da floresta++
 
Câmara e a Associação de Defesa do Património apresentam iniciativa Florir Beja++
 
Mostra gastronómica em Grândola ++
 
Vila Nova de S. Bento, em Serpa, inaugura pavilhão desportivo++
 
Feira do Livro de Cuba até sábado++
 
Núcleo museológico de Aivados, em castro Verde, ganha sala de exposições++
 
Risco “muito elevado” de incêndio no distrito de Beja++
 
Biblioteca de castro Verde comemora 22.º aniversário++
 
Luís Carlos Martins à frente da JS de Almodôvar++
 
 
 
 
 
 
21-04-2017 9:29:29
 
Inquérito de José Serrano 






Maria José 

50 anos, assistente operacional
Estava na minha aldeia, Penedo Gordo. Tinha sete anos, mas lembro-me muito bem da confusão e da festa que se fez na rua assim que se soube da Revolução. Recordo-me de me terem puxado para cima de uma galera, cheia de gente, e termos ido festejar. O 25 de Abril trouxe muita coisa boa ao nosso país, abriu-nos as portas para o mundo. É importante   ler  ++  
 

 
13-04-2017 15:54:25
 
Inquérito de José Serrano 






Josélia Guerreiro

Desempregada
Comemoro todas as Páscoas em família e este ano não foge à regra. Reúno-me em Santa Clara-a-Velha, no concelho de Odemira, com a família: pais, irmão, cunhada, sobrinhas. Durante este fim de semana revejo familiares e velhos amigos que, tal como eu, também fazem questão de passar esta quadra na sua terra de origem. Esta é, para mim, uma época de convívio.



Francisco Rebelo
38 anos,   ler  ++  
 

 
07-04-2017 10:02:08
 




Manuel Caetano
72 anos, aposentado da função pública
A violência no futebol começou nos hooligans ingleses. Depois propagou-se a toda a Europa. Os clubes não deveriam financiar as claques. A maior parte delas é violenta. Os dirigentes também têm culpa. Eu ouvi dizer, há uns tempos, ao antigo treinador do Canelas, que quem não gosta de um desporto com agressividade que vá para a natação. Um incentivo à violência.




Fernanda Amaro
54   ler  ++  
 

 
31-03-2017 9:33:19
 
Inquérito de José Serrano 






António Severo

66 anos, comerciante
A relação que tenho com o rio Guadiana é enorme. Desde pequeno, pois nasci em Mértola e, tirando o tempo de tropa, sempre aqui vivi. Para nós, mertolenses, faltando-nos o rio, falta-nos tudo. Nele nadamos com prazer desde crianças e dele retiramos o peixe. Mas tenho a impressão de que antes da barragem de Alqueva o rio estava melhor do que está agora, menos poluído.

  ler  ++  
 

 
24-03-2017 9:19:03
 
Inquérito de José Serrano


Sérgio Colaço
25 anos, promotor de marca
As praxes académicas não têm, obrigatoriamente, de ser uma coisa negativa. Quando estive na faculdade fui praxado e fiz praxe. Foi sempre tudo muito divertido, toda a gente se riu e gostou, nunca houve qualquer problema, ninguém se aleijou. No entanto, é do conhecimento público que em certos cursos se vai longe demais. Há praxes boas e más, depende de quem as faz.






  ler  ++  
 

 
17-03-2017 9:32:49
 
Inquérito de José Serrano



Luís Figueira
54 anos, enfermeiro
A transição do tradicional olival de sequeiro para o olival de regadio, graças à barragem de Alqueva, veio transformar completamente a produtividade desta cultura. A exploração de olival intensivo permite aumentar a produção de azeite e é geradora de emprego. Penso que se trata de uma mais-valia económica para a região, nomeadamente para o distrito de Beja.




Carlos Seno
52 anos, funcionário público
Para além   ler  ++  
 

 
02-03-2017 16:37:23
 
 

 
24-02-2017 9:33:28
 
 
 
 
 
  • http://www.yakademia.com http://www.artblows.com http://www.sensepam.com/ http://www.footneuf.com/ http://www.bestsextv.com http://www.nyctrio.com/ http://www.sexboxvideo.com/ http://www.sibura.com