quinta-feira
17 de Agosto de 2017 - 02:54
Subscrever feed Add to Google Subscrever num leitor de feeds
 
Destaque
Um tema de sempre a que a situação atual de seca extrema veio dar mais visibilidade. A falta de
 
Destaque
Superintendente Raul Glória Dias, comandante distrital da PSP de Beja, diz que policiamento de bairro “vai avançar em todos os bairros da cidade”
 
AGENDA
Cidade de Beja homenageia Santa Maria
semana
 
Bombeiros de Beja em Abrantes e Grândola ++
 
Vidigueira assinala Dia Internacional da Juventude++
 
Beja apoia incêndio em Abrantes++
 
Detida por tráfico de estupefacientes em Saboia ++
 
“Gestos ancestrais. Objetos de ontem e de hoje em exposição em Mombeja ++
 
Semana Cultural Carpe Diem chega ao fim no Sábado ++
 
Figueira dos Cavaleiros recebe Feira do Melão ++
 
Espetáculo solidário com António Zambujo em Mombeja++
 
Corrida de touros homenageia Manuel Almodôvar++
 
Piscinas descobertas de Mértola reabrem na sexta-feira++
 
Bombeiros de castro feridos em acidente de viação++
 
Ricardo e Henrique e Rebeca animam Festas de Quintos ++
 
 
 
 
 
Música



Novo disco
aos 70 anos


Antonieta Félix  


Carlos Santana coloca à venda o novo álbum, “Power of peace”, poucos dias após completar 70 anos de idade, no final do mês passado.
Instrumentista e compositor, aclamado, entre outros feitos, pela mestria como guitarrista, ele é o produtor deste disco de estúdio. Cindy Blackman Santana, a esposa, e The Isley Brothers, Ronald e Ernie, são os coautores. Disponível em CD, suportes digitais e vinil, “Power of peace” é composto por 13 faixas, umas originais, outras versões de canções de Billie Holiday, Curtis Mayfield, Marvin Gaye ou Stevie Wonder.
Natural do México, Carlos Santana muda-se muito jovem, com a família, para S. Francisco. Tal como o pai, torna-se músico e há mais de 40 anos que é admirado pelo público. Com a banda de então, chamada Santana, toca no festival de Woodstock, em 1969. Ano em que edita o primeiro trabalho, em formato LP.
Atualmente soma mais de 100 milhões de discos vendidos e 10 prémios Grammy. Pilares que podem resfriar críticas menos boas a este disco, sobretudo, se comparado com outros, como “Supernatural”, de 1999, que vendeu 25 milhões de cópias.
Ativista de causas sociais e humanitárias, individualmente, ou através da fundação que cria em 1998, Milagro, Carlos Santana é pioneiro na fusão de estilos, e personalidades, musicais. Daí se dizer que faz “música do mundo” antes do termo existir. Este álbum também vai do funk, ao soul ou ao jazz, e em Portugal é apadrinhado pela rádio M80.




 
 
 
 
  • http://www.yakademia.com http://www.artblows.com http://www.sensepam.com/ http://www.footneuf.com/ http://www.bestsextv.com http://www.nyctrio.com/ http://www.sexboxvideo.com/ http://www.sibura.com